Garibalde discute acessibilidade no TJ

Na manhã desta sexta-feira, 12, o deputado estadual Garibalde Mendonça, MDB, atendendo convite do desembargador José dos Anjos, participou da 8ª Reunião da Comissão Permanente de Acessibilidade e Inclusão do Poder Judiciário do Estado de Sergipe.

Na abertura dos trabalhos, o desembargador expôs o objetivo da reunião, dizendo que a cada encontro a Comissão está atraindo, por convite, mais instituições e organismos que possam contribuir com a causa, anunciando a presença do deputado estadual Garibalde Mendonça, que é o atual presidente da Comissão de Obras Públicas, Desenvolvimento Urbano e Transportes.

O parlamentar disse que o Poder Legislativo fica honrado com o convite para participação da nobre Comissão de Acessibilidade e Inclusão do Poder Judiciário. “Quero colocar nosso mandato à disposição dos organismos e instituições presentes nesta reunião, no sentido de que as propostas que possam ser apresentadas como Projeto de Lei, atenderemos prontamente, com a certeza do apoio de todos os pares que compõem a Assembleia Legislativa”, assegurou o deputado.

Garibalde colocou a existência de uma Lei de sua autoria, que obriga as empresas prestadoras de serviços, a exemplo da Energisa e Deso, emitam suas faturas com leitura em Braile para os deficientes visuais. “A Lei existe, mas, é preciso que os deficientes, ou algum de seus familiares, possam requerer às empresas o envio dessas contas com adequações para o deficiente visual”, explicou.

O presidente do Conselho da Pessoa com Deficiência de Sergipe, Luiz, abordou a implantação do Selo que será lançado para as empresas que atenderem as necessidades das pessoas com deficiência em três colocações: Ouro, Prata e Bronze, variando pelas demandas atendidas com qualidade e eficiência.

O desembargador José dos Anjos disse que a causa da acessibilidade é um processo, e como tal, se trata de uma conquista permanente a cada passo dado dentro de fora da Comissão instalada no TJ. “Vivemos outros tempos, com uma cultura mais voltada para todos os cidadãos com suas necessidades, o que contribui para a causa da accessibilidade”, concluiu o desembargador.

Antes de encerrar a reunião, o deputado Garibalde
enalteceu o desembargador José dos Anjos pela condução à frente da Comissão, e se colocou à disposição no que for preciso. “Me considere um soldado diante dessa causa”, finalizou o parlamentar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *